Geladeira: como limpá-la e como melhorar a conservação dos alimentos

A+ A- Assine a Newsletter Facebook Twitter

Entre na Rede NUTRItodos

Procedimentos higiênicos durante a manipulação de alimentos são importantes na prevenção de doenças transmitidas por alimentos (DTA) e na obtenção de um produto final de qualidade. Cinco elementos merecem atenção nesse sentido: os manipuladores (cozinheiro e demais pessoas que venham a lidar com o alimento), os utensílios (por exemplo, talheres, pratos, copos, panelas), os equipamentos (como geladeira, liquidificador, batedeira, fogão, exaustor), o ambiente (piso, parede, teto, luminárias, entre outros) e os próprios alimentos.
Neste texto iremos abordar sobre a limpeza de um equipamento que, desde sua invenção, facilitou nossa vida e mudou nossos hábitos alimentares: a geladeira. A limpeza deve ser diária, pois a manuseamos rotineiramente, e um procedimento mais completo, na geladeira e congelador, deve ser realizado no mínimo uma vez por semana. Os resíduos, se não forem retirados, além de deixarem mau cheiro, oferecem risco a contaminação dos alimentos.

Para iniciar a limpeza, o equipamento deve ser desligado até o descongelamento (com exceção dos que possuem sistema frost-free). É importante deixar para fazer este procedimento um dia antes da compra de perecíveis, assim, irá evitar que os produtos fiquem fora da temperatura de armazenamento adequada. Primeiramente retire as gavetas e prateleiras, utilize para limpar todas as partes do equipamento uma esponja macia embebida em uma solução de água e detergente neutro com aproximadamente 50 ml de detergente por litro de água, e, seguida, enxague (pode ser utilizado um pano úmido para o interior). Ao final do procedimento, para melhorar a eliminação de micro-organismos, borrife álcool 70%, inclusive nas prateleiras e aguarde secar.

É importante que as borrachas de vedação das portas também passem pelo mesmo procedimento e estejam sempre em bom estado de conservação para melhor armazenamento dos alimentos, pois isto evita a fuga de ar frio, logo, evita aumento do consumo de energia, e impede que a temperatura fique elevada no interior. Lembre-se de regular o termostato de acordo com a estação do ano!

Com a geladeira limpa, é importante que os alimentos guardados também sejam limpos. Produtos como enlatados, garrafas, leite, iogurtes e embalagens em geral devem ser lavados com água e detergente neutro e as frutas, hortaliças e ovos, higienizados em solução de hipoclorito de sódio antes de serem guardadas. Todos os alimentos devem estar guardados em recipientes com tampa e os industrializados (enlatados) não devem ser armazenados na embalagem comercial após abertos!

Estas práticas fazem são parte de um conjunto para uma melhorar a conservação dos alimentos. Outro ponto relevante é a ordem de armazenamento dos alimentos nas prateleiras do equipamento. Na primeira e segunda prateleira coloque os produtos mais perecíveis (ovos, leite e derivados, presunto, alimentos prontos em geral). Na terceira, os alimentos pré-preparados e aqueles que serão rapidamente consumidos (bolos, tortas, sopas). Já na quarta prateleira, coloque as frutas, as mais macias (mamões, uvas, morangos, ameixas) podem ficar em bandejas, e as mais duras (peras, maçãs), embaladas em sacos plásticos. Na gaveta, guarde as hortaliças (verduras e legumes). Por fim, na porta coloque água, sucos, conservas, compotas, geleias, etc. Esta ordem é devido à diferença de temperatura entre as prateleiras, as primeiras prateleiras têm temperaturas mais baixas.
Dica: as prateleiras da geladeira não devem ser forradas com plásticos ou vidros, pois isso dificulta a circulação de ar (e consequentemente a conservação dos alimentos)

Obs.: A reportagem acima foi escrita pela nutricionista Fabiane Novaes Goeldi – CRN3 34090 (Auditora de redes de restaurantes comerciais e nutricionista clínica), agradecemos a ela por este conteúdo!

Para Saber Mais
Entrevista com Dr Roberto Figueiredo, o famoso Dr Bactéria, sobre higiene do alimentos e bebidas

 

0
Como você avalia este conteúdo?
VN:F [1.9.13_1145]
Rating: 5.0/5 (2 votos)
Avaliação deste conteúdo:
Geladeira: como limpá-la e como melhorar a conservação dos alimentos, 5.0 out of 5 based on 2 ratings

5 comentários para “Geladeira: como limpá-la e como melhorar a conservação dos alimentos”

  1. Viviane Santos disse:

    Olá,gostaria de uma informação,colocar mel na geladeira perde seus nutrientes?
    E o azeite devo colocá-lo?

  2. Fabiane N. Goeldi disse:

    Olá Viviane,

    Não há problema armazenar mel em geladeira, pode colocá-lo na porta junto com as geléias, ou até no freezer. Alguns tipos inclusive precisam de refrigeração, caso o consumo não for imediato, como é o caso do mel das abelhas uruçu (típicas do litoral baiano e nordestino).
    O que pode ocorrer é a cristalização do mel, mas este processo é normal mesmo em temperatura ambiente. Caso isto ocorra, aqueça o mel em banho-maria. Não é recomendado fervê-lo e nem aquecê-lo em microondas.

    O azeite não necessita de refrigeração a não ser que ele passe por algum processo, como por exemplo, aromatização com ervas. Neste caso, ele deve ser guardado também na porta da geladeira ou freezer.

    Qualquer dúvida, estou a disposição.

  3. fabiana silva barreto disse:

    Realmente não é fácil manter a geladeira limpa e os alimentos seguros!Mas é um trabalho nescessário.
    Em (UAN)é feito o mesmo processo?

  4. Fabiane N. Goeldi disse:

    Olá Fabiana,

    Sim, estes mesmos procedimentos devem ser aplicados em uma Unidade de Alimentação e Nutrição (UAN).

    Qualquer dúvida, estou à disposição.

  5. Adriana disse:

    Ola, Boa noite
    sobre a higienização de frutas e hortaliças , a higienização em solução clorada para posterior armazenamento não aumentaria a umidade , acelerando o processo de deterioração desses alimentos ? quanto ao uso de bicarbonato para higienização da geladeira é recomendado ?

    Agradeço desde de ja!

Deixe seu comentário